Caso Eloá

Concordo que tenha gerado muitas controvérsias, que a sociedade ainda não tinha se deparado como um crime desta estirpe, mas sinceramente não podemos condenar da forma que estamos fazendo o jovem Lindemberg.

 

Continue lendo »

Anúncios

Delmanto

“O verdadeiro amor é timidez, mansuetude, é resignação, é conformidade com o insucesso, é santidade, é auto-sacrifício, não se alia jamais ao crime. O amor que mata é uma contrafação monstruosa do amor, é o animalesco egoísmo da posse carnal”

Ser só…

Não entendo a necessidade das pessoas de quererem ter sempre alguém, me enquadro mais nesse célebre frase :
“Quanto mais estou sozinha mais completa me sinto” Clarice Lispector

 

 

Reflexões a luz de Clarice Lispector…

“Em viagens incessantes por mim mesmo, descubro respostas curiosas à pergunta redefinidora; ‘quem sou eu?’, mas todas essas respostas não passam de esboços mal-feitos, tentativas frustradas de desenhar perfis incolores de alguem que realmente não se dá ao luxo de simplesmente existir”

Sobre o sexo…

“O sexo é esse jogo de interesses e dúvidas esclarecidas na hora do gozo. O gozo esta ponte para o fim. O fim, o meu caminho.

Dos amores que tive, dois ficaram guardados: um pela cigarra que tocava na minha varanda, enquanto lia Clarice Lispector (eu lia a mim próprio, eu gosto dos meus livros); outro, pela formiga fêmea marron que transitava minha mesa depois do jantar.

Nunca amei um homem. Pra quê? Homens não merecem amor, merecem apenas sexo e gozo. ” Clarice Lispector

« Older entries