Intrínseco

 

Exsurge em mim …


 

oh lama intrínseca!


 

Vinde ao meu encontro,


 

putrefato Senhor das Lamúrias,


 

cuspa no prato que lhe alimenta,

 

vergonha escancarada,


 

reveles o nojo que lhe sustenta,

 

que ao mesmo tempo que lhe fortalece,

 

aos outros …


 

dilacera, sufoca e mata!